Todas as Cidades
Histórico
Chuvas

Mulheres participativas no agronegócio e na cooperativa

Mulheres participativas no agronegócio e na cooperativa
Cotrijal promoveu mais uma palestra para mulheres nesta quinta (Clique para ver mais imagens)
Vice-presidente da Cotrijal, Enio Schroeder, abriu o encontro Jornalista e psicóloga Marilena Marasca falou sobre as conquistas das mulheres

Dando sequência a rodada de palestras organizada em conjunto com o Comitê de Mulheres Cotrijal, nesta quinta-feira (12) foi a vez das produtoras rurais e associadas da cooperativa de Almirante Tamandaré do Sul, Carazinho e Igrejinha (Coqueiros do Sul) assistirem a palestra “A importância da mulher no agronegócio”, com a psicóloga e jornalista Marilena Marasca.

O encontro aconteceu na Unidade Cotrijal Glória, em Carazinho, reunindo 80 mulheres ligadas ao agronegócio. Maria de Lourdes Gobbi, coordenadora do Comitê, destacou a importância da realização de eventos que valorizem a participação da mulher na cooperativa. “Ninguém sabe de tudo e temos sempre muito a aprender. Por isso, vínhamos buscando uma oportunidade como esta, para troca de experiências. É na convivência que aprendemos a ser melhores a cada dia”, mencionou, enfatizando a força, a garra e a determinação das mulheres.

Estiveram presentes o vice-presidente da Cotrijal, Enio Schroeder; a gerente de Desenvolvimento Cooperativista (Decoop), Leila Mertins; a representante da Unidade de Carazinho, Luciane Zanon; a conselheira Representante dos Líderes de Núcleo, Roveni Lúcia Doneda, o conselheiro de Administração, Luiz Roberto Gobbi; e as representantes do Comitê de Mulheres, Maria Isabel Hans Celestino, Sueli Maria Dessoy (Almirante Tamandaré do Sul); Maria de Lourdes Gobbi, Ilacy Edi Ahlert (Carazinho), Daiana de Campos Lampert, Cátia Tatiane Roos Fritzen (Igrejinha – Coqueiros do Sul).

Durante a conversação, Marilena Marasca, que mora na Europa há 40 anos, falou sobre as conquistas das mulheres através dos tempos. “Há ainda muitos preconceitos e discriminação contra mulheres que trabalham no agronegócio, o que priva o setor das competências femininas. Pesquisas sobre o impacto da presença das mulheres apontam resultados altamente positivos”, pontuou.

As reuniões já aconteceram em Passo Fundo, Colorado e Tio Hugo, encerrando nesta sexta-feira (13) em Não-Me-Toque.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Cotrijal


Mulheres participativas no agronegócio e na cooperativa Vice-presidente da Cotrijal, Enio Schroeder, abriu o encontro Jornalista e psicóloga Marilena Marasca falou sobre as conquistas das mulheres